Tecnologia Assistiva – tudo que você precisa saber

Criado por Keslley Cremonezi em 20 de outubro de 2023 Tecnologia Assistiva – tudo que você precisa saber

Tecnologia assistiva é fruto do avanço tecnológico e passa a complementar os campos do suporte e da melhora da qualidade de vida das pessoas com necessidades.

E embora ela tenha um impacto significativo na vida das pessoas, as soluções que se podem obter através da tecnologia assistiva devem ser acessíveis a todos, além de serem devidamente adaptadas às necessidades individuais.

Portanto, ao longo deste artigo vamos explorar melhor sobre o que é a tecnologia assistiva, quais os elementos, seu principal objetivo, entre outras coisas. Então acompanhe tudo o que você precisa saber sobre este tema.

O que é tecnologia assistiva?

A tecnologia assistiva se refere a um conjunto de ferramentas de software, dispositivos e equipamentos que são projetados especificamente, para ajudar e auxiliar as pessoas com deficiência.

Ela surge como um suporte que melhora a Independência e a participação na vida cotidiana destas pessoas. Ela também não se limita apenas aos dispositivos físicos, mas pode ser empregada em sistemas inteligentes, facilitando o acesso à informação e a comunicação.

A tecnologia assistiva é uma solução inovadora que integra o controle de dispositivos aos meios de comando de voz e gestos personalizados. Por esta razão, ela tem um papel fundamental, que promove a inclusão no trabalho, na educação e nas demais atividades cotidianas.

Quais os elementos da tecnologia assistiva?

Os elementos que envolvem a tecnologia assistiva são inúmeros, mas vamos citar os mais comuns para que você entenda.

Dispositivos de comunicação

Para os dispositivos de comunicação nós podemos citar como exemplo o software de leitura, os aplicativos de comunicação alternativa, os sintetizadores de voz, entre outros.

Dispositivos de mobilidade

Aos que possuem dificuldade de locomoção, a tecnologia assistiva pode oferecer: cadeiras de rodas Motorizadas, andadores motorizados, exoesqueletos entre outras coisas.

Deficiência sensorial

Para este grupo específico de pessoas, eles poderão contar com próteses auditivas, aparelhos auditivos, Lupa eletrônica, sistema de leitura em braile, etc.

Ainda existe uma gama de possibilidades neste meio, além de aparatos que facilitam a interação social das pessoas com deficiência. De fato, a tecnologia assistiva muda a vida de milhares de pessoas, tornando atividades complexas, mais fáceis de serem realizadas.

Para que serve a tecnologia assistiva?

Como você já percebeu, ela abrange inúmeras áreas, sejam físicas, cognitivas, comunicativas ou sensoriais. Seu objetivo principal é promover a inclusão e a participação na vida social.

Além disso, ela serve para dar suporte, melhorando a qualidade de vida e promovendo a independência através da capacitação.

As pessoas com dificuldade de comunicação, por exemplo, podem se beneficiar dos softwares de leitura e dos sintetizadores de voz.

Mas, sem dúvidas, o que mais chama a atenção é a inclusão no mercado de trabalho, que fornece um ambiente adaptado facilitando a execução das tarefas relacionadas ao emprego.

Além disso, ela também compensa as limitações, ajudando a superar barreiras e fazer com que todos participem ativamente do ambiente ao redor.

Como utilizar a tecnologia assistiva?

Para utilizar e aplicar a tecnologia assistiva, você deve considerar as necessidades específicas de cada um e, com base nisto, escolher qual a solução tecnológica mais adequada que atenda aos problemas.

Então veja os passos para utilizar tecnologia assistiva:

Consultar um profissional especializado

A primeira coisa que você pode fazer é consultar um profissional em tecnologia assistiva, como é o caso dos: especialistas em reabilitação, engenheiros de assistência técnica ou terapeutas ocupacionais.

Estes profissionais podem fornecer todas as informações, além de dar orientações específicas com base nas necessidades individuais.

Avalie as necessidades

Como estamos falando, é necessário realizar uma avaliação sobre as necessidades individuais, quais habilidades a pessoa tem e as metas que ela deseja alcançar.

Desta forma, é possível envolver a colaboração de profissionais da saúde, com os terapeutas ocupacionais e demais pessoas. Tudo com objetivo de melhorar ainda mais a qualidade de vida.

Realização de testes práticos

O próximo passo é realizar os testes dos diferentes dispositivos e soluções assistivas. É importante incluir a experimentação dos softwares, próteses, cadeiras de roda, etc., para assegurar a qualidade e o bom funcionamento.

Assim, você pode determinar o que melhor atende a necessidade daquela pessoa, escolhendo o dispositivo correto.

Invista em treinamento

Outro passo importante é proporcionar o treinamento adequado para as pessoas com deficiência. Durante esta etapa, pode ser necessário que os cuidadores se incluam.

Assim, ambos irão aprender a como usar o dispositivo de software e traçar as melhores estratégias para alcançar a eficiência máxima da tecnologia assistiva para aquele caso específico.

Adaptação e personalização

Talvez seja necessário personalizar e adaptar as configurações do software ou equipamento. Tudo irá levar em consideração as habilidades e preferências de cada pessoa.

Muitas tecnologias assistivas entregam a opção de personalizar e ajustar o equipamento para as necessidades pessoais.

Manutenção, integração e acompanhamento

Tenha sempre ao alcance, meios adequados para a manutenção da sua tecnologia. Lembre-se de contatar um profissional para auxiliar nesta etapa, caso haja necessidade.

Também é importante que o dispositivo esteja integrado ao seu ambiente: casa, trabalho ou escola. A tecnologia assistiva deve tornar a vida mais acessível e prática.

E não se esqueça de realizar avaliações e seguir com acompanhamento regular dos equipamentos.

Conclusão sobre a tecnologia assistiva

Então podemos concluir que, a tecnologia assistiva, torna a vida das pessoas com deficiência muito mais prática, encorajando a independência e auxiliando-as a superar os desafios da vida cotidiana.

A indústria se desenvolveu de forma positiva a integrar todos, no mesmo espaço, com as mesmas oportunidades.

Esperamos que tenha gostado do nosso conteúdo e não se esqueça de compartilhar.